24jan/17

Ruptura do ligamento cruzado em cães

RESUMO

A ruptura do ligamento cruzado é uma desordem ortopédica comum em cães. Ela promove a instabilidade da articulação do joelho, resultando em claudicação e alterações degenerativas progressivas. O seu diagnóstico é baseado em achados clínicos, mas pode ser associado aos exames específicos para verificação da extensão da lesão e das alterações concomitantes. A melhor técnica para reparação dessa enfermidade ainda não está bem elucidada. A maioria delas alcança uma taxa de sucesso entre 80 a 90% e todas apresentam vantagens e desvantagens. Uma associação entre perícia do cirurgião, temperamento do animal e colaboração do proprietário, devem ser considerados na escolha do melhor tratamento. O objetivo deste trabalho é elucidar os métodos diagnósticos existentes, bem como os diversos tratamentos cirúrgicos para a correção desta afecção.
Palavras-chave: Cirurgia articular; joelho; cão

ABSTRACT

The cruciate ligament rupture is a common orthopedic disorder in dogs, which promotes the instability of the knee joint, resulting in lameness and progressive degenerative changes this. The diagnosis is based on clinical findings, but may be associated with specific tests to determine the extent of the injury and the consequential amendments. The best technique for repair of this disease is not well understood. Most of them achieve success rate between 80 to 90% and all have advantages and disadvantages. An association between the surgeon’s expertise, temperament of the animal and cooperation of the owner should be considered in choosing the best treatment. The objective of this work is to elucidate the diagnostic methods available, and the various surgical treatments to correct this condition.
Keywords: Joint surgery, knee, dog

24jan/17

Cirurgia robótica em medicina veterinária

RESUMO

A cirurgia robótica tem sido vista como um avanço tecnológico para a videocirurgia, bem como uma nova categoria de cirurgia minimamente invasiva. Este trabalho objetiva realizar uma revisão sobre a cirurgia robótica, considerando sua futura aplicabilidade na medicina veterinária. O desenvolvimento da Cirurgia Robótica representa uma tentativa para minimizar alguns obstáculos técnicos da laparoscopia, tornando a prática cirúrgica mais precisa, e mais fácil o aprendizado cirúrgico, enquanto diminui ainda mais o trauma. No entanto, é necessário um treinamento específico e possui alto custo. Apesar desses fatores, a cirurgia robótica poderá ser um importante instrumento no futuro da videocirurgia veterinária.
Palavras-chave: Laparoscopia, Cirurgia robótica, medicina veterinária.

ABSTRACT

Robotic surgery has been seen as a breakthrough laparoscopy surgical technologic and a new category of minimally invasive surgery. This paper aims to perform a robotic surgery review, considering its future applicability in veterinary medicine. Development of Robotic Surgery represents an endeavours to minimize some of tecnical laparoscopic hindrances, enhance more precise surgical practise, making na easier learning surgery, while still minimizing surgical trauma. However, a very specific training is required and represents a high cost. Despite these facts, robotic surgery may be an important instrumet in veterinary videosurgery future.
Keywords: Laparoscopy, robotic surgery, veterinary medicine.

05dez/16

Atresia anal associada à fístula retovaginal e divertículo retal em gata com cardiopatia congenita

p style=”text-align: justify;”>RESUMO

Uma gata foi apresentada com atresia anal associada à fístula retovaginal. Mediante intervenção cirúrgica, a fistula foi fechada e foi criado um neorifício anal. Embora algumas complicações sistêmicas tenham sido diagnosticadas após oito meses da intervenção, elas podem ou não estar relacionadas a esta doença congênita. O tratamento cirúrgico foi eficaz no salvamento da paciente, além de fornecer boa qualidade de vida, frente a esta deficiência. Objetivo: enfatizar a importância do diagnóstico e o resultado do tratamento em um felino apresentando atresia anal associada à fístula retovaginal e divertículo retal.
Palavras-chave:feliscatus, cirurgia, anomalia congênita

ABSTRACT

A female cat, 45 days old and 0.6 kg was presented with anal atresia and rectovaginal fistula. The fistula was closed and a new anal orifice was made through surgery. Although some complications have been diagnosed after eight months of life, these alterations may or may not be related to previous congenital disease. Surgery was effective to save the patient’s lifein addition to providing good quality of life, compared to this deficiency. Objective: lay emphasis on importance of diagnosis and treatment of a cat with anal atresia associated with rectovaginal fistula.
Keywords: feliscatus, surgery, congenital anomaly.